O que é Google Ads: como funcionam os anúncios no Google

por | set 11, 2021 | Google | 0 Comentários

A internet é um dos melhores lugares para alcançar novos públicos e clientes, além de trabalhar diretamente com divulgações.

Você sabe e conhece bem o que é Google Ads?

É uma ferramenta bastante útil na hora de realizar essas divulgações online.

O Google oferece a solução Google Ads para que as publicidades online possam ser realizadas por empresas, negócios pequenos, autônomos e etc.

Assim, ao realizar pesquisas no próprio buscador Google, é possível visualizar esses produtos que estão sendo vendidos diretamente no topo da página de resultados da busca.

Além disso, esses mesmos produtos e serviços também podem ser divulgados em sites parceiros. 

Mas afinal de contas, o que é o Google Ads de forma detalhada e como esse serviço funciona?

Abaixo vamos explicar justamente isso, além dos benefícios que você pode ter ao fazer uso dessa ferramenta, especialmente se você quer trabalhar diretamente com vendas de produtos e serviços e melhorar a sua marca. 

Saiba Mais: Como tirar o Yahoo do Google Chrome: 4 formas

O que é Google Ads?

Além de saber que o Google Ads é uma ferramenta de divulgação de serviços e produtos online, vale ressaltar que você só irá pagar por essa divulgação na plataforma quando algum usuário clicar e for encaminhado para a sua loja virtual ou site. 

Além disso, essa cobrança também é feita sempre que alguém ligar para a sua loja por meio do seu anúncio ou visualizar seu conteúdo vendido.

Ou seja, quando não houver interação com a sua publicidade, você não terá que pagar nada. 

A ferramenta Google Ads também se destaca pois mostra o produto que é divulgado no momento mais adequado, e não de forma aleatória na internet.

Os links de vendas nas propagandas estarão disponíveis para os clientes e possíveis clientes independente do aparelho que ele estiver usando para acessar a rede, seja do computador ou dispositivos móveis.

Ou seja, sua divulgação aparecerá em buscas no navegador Google, em sites parceiros, YouTube e em vários outros locais. 

Segundo uma pesquisa feita e divulgada pela Statista em 2019, o Google Ads é a maior fonte de receita do Google.

Naquele ano, a plataforma de divulgação teve uma renda de mais de $134 bilhões, o que representava 70,9% das rendas mundiais da empresa. 

o que é google ads

Imagem: Statista

Saiba Mais: Meu Negócio Google: 6 formas de gerar mais visibilidade

Google Ads e Google Adwords são a mesma coisa?

O Google Ads pode ser considerado como um atualização e melhora do Google Adwords, ferramenta essa que estava disponível no mercado desde o ano de 2000.

A própria empresa Google falou sobre essa atualização e, para eles, as mudanças mundiais, especialmente no comportamento do consumidor, obrigou a empresa a trabalhar no aprimoramento e lançamento do Google Ads em 2018.

Assim, as construções com seus anúncios e campanhas inteligentes se tornaram consideravelmente mais fáceis. 

Google Ads: Como funciona?

Agora que você já sabe mais um pouco sobre o que é Google Ads, é importante saber como ele funciona, já que isso dependerá bastante do resultado que o usuário deseja obter com a plataforma.

Separamos os principais pontos para você entender mais sobre o funcionamento deste serviço. 

1. Defina o objetivo

Três objetivos precisam ser definidos quando você for utilizar o Google Ads.

Isso será logo no início da criação de sua primeira campanha, e são eles:

  • Direcionar mais tráfego para o site;
  • Receber ligações na empresa;
  • Aumentar o possível número de visitantes em sua loja física, caso tenha uma.

2. Escolha a localidade

Como o próprio nome sugere, este será o local onde o seu anúncio será divulgado, quais os meios de comunicação, se o alcance será global ou apenas nacional.

3. Crie uma mensagem/anúncio

Temos três formatos básicos de anúncios dentro do Google Ads.

Nesse passo, será onde você irá definir qual é a mais adequada para alcançar o objetivo que você havia definido anteriormente.

Assim, os formatos de anúncios que temos são:

  • Rede de pesquisa e rede de display, que vamos falar mais para frente a respeito;
  • Formato de vídeo, sendo aqueles famosos vídeos de propagandas que aparecem durante ou no início de um vídeo que você está assistindo no YouTube.

o que é google ads

4. Defina o orçamento

O responsável por definir qual será o orçamento máximo da campanha será você.

Assim, os possíveis resultados de sua divulgação serão mostrados com base no orçamento que você investiu.

Como dito anteriormente, as cobranças serão feitas somente quando alguém interagir com a sua publicidade.

Você também terá a opção de remover o anúncio do ar a qualquer momento que desejar através do painel de análise do Google Ads.

Esse é o espaço que permite ao usuário acompanhar os resultados de suas campanhas.

Saiba Mais: Como funciona o Google?

Como funciona o Google Ads mais detalhadamente

Para que você consiga utilizar a plataforma da melhor forma possível, não basta apenas saber o que é Google Ads.

Você também precisa conhecer seus recursos de forma aprofundada.

Abaixo, separamos os tipos de campanhas e o melhor momento para você fazer cada uma.

1. Rede de Pesquisa

o que é google ads

Esse é o principal e mais conhecido formato de publicidade oferecido pelo Google Ads, e a melhor parte é que ele não exige imagens, vídeos e cadastro prévio da sua empresa em recursos como o Google Meu Negócio.

Se você busca gerar leads e aumentar ainda mais as suas vendas, então a Rede de Pesquisa é o formato mais indicado, sendo composto por resultados de pesquisa no google e por sites parceiros.

Normalmente, os resultados da busca aparecem nas quatro primeiras posições da página de pesquisa do Google.

Caso a palavra chave buscada seja de alta-concorrência, esses resultados também podem aparecer nas três últimas posições.

Entretanto, não é somente na página de pesquisa que sua campanha pode aparecer com este formato.

Caso buscas sejam feitas em grandes portais como Terra, UOL e outros sites menores que tenham mecanismos internos de busca e façam parte do Google AdSense, a rede de afiliados Google também irá mostrar a sua campanha nos resultados de pesquisa.

A Rede de pesquisa se destaca por mostrar os resultados especialmente para pessoas interessadas, ou seja, que realmente estão atrás do produto ou serviço que você está oferecendo, aumentando assim a chance de obter um retorno na sua campanha.

Contudo, essa opção também possui suas limitações e desvantagens, como a alta concorrência que você poderá enfrentar e a dificuldade de escala, pois o volume de busca poderá ser baixo, já que isso dependerá bastante de quanto de orçamento você terá para investir.

2. Cor do indicador dos anúncios

É comum encontrar avisos de quando um link contém anúncios do Google, já que a empresa trabalha com uma rígida política de transparência.

Anteriormente, o Google colocava uma etiqueta amarela nos links patrocinados, indicando que ali continha uma propaganda paga. 

Com o tempo, essa etiqueta mudou para a cor verde, e assim os anúncios ficaram ainda mais semelhantes dos resultados orgânicos de busca.

Atualmente, a plataforma não conta com nenhuma etiqueta indicando o anúncio, tendo apenas a palavra “anúncio” escrita em negrito antes do link.

3. Rede de Display

o que é google ads

Essa opção utiliza formatos audiovisuais para as propagandas, como vídeos e imagens, alcançando assim 90% de todos os usuários de internet no mundo.

Se você vai procurar uma forma de realizar uma campanha para reconhecimento da marca, remarketing ou consideração de um produto, esse é o melhor formato para você.

Milhares de sites de diversos segmentos compõem a rede de display, como weather.com e o nytimes.com.

Além deles, sites específicos do Google também fazem parte, como YouTube, Gmail, Blogger e o Google Finance.

Aplicativos e sites na versão mobile também oferecem essa divulgação.

A Rede de Display trabalha para você alcançar o maior número de pessoas com os anúncios, podendo segmentá-los por: locais específicos; contextos específicos; público-alvo específico e etc.

Os clientes alcançados pela Rede de Display podem estar em momentos diferentes do ciclo de compra, além de possuir diversos interesses.

Assim, o anúncio pode aparecer no formato de imagem, vídeo, gráfico, rich media e texto.

Uma das maiores vantagens dessa opção é a possibilidade de selecionar e detalhar os sites ou assuntos da página em que o seu anúncio será exibido e qual será o público-alvo.

Além dos pontos já mencionados, com essa opção você também pode acompanhar e gerenciar o seu orçamento, resultados e campanhas do processo.

Porém, existe uma desvantagem da Rede de Display que pode acabar sendo mais difícil de se utilizar do que a rede de pesquisa.

Isso pois o usuário terá que elaborar uma peça de design para o anúncio, levando em conta as medidas dos banners. 

Além disso, por ser exibida de forma mais geral na internet, a taxa de cliques pode ser menor, já que a propaganda pode aparecer para pessoas que nem estão procurando por algo parecido ao seu serviço ou produto.

4. Google Ads: Dica sobre pesquisa e display

Uma dica que podemos dar sobre o Google Ads é que você pode realizar campanhas mistas entre a rede de pesquisa e a rede de display.

Ao criar uma propaganda na rede de pesquisa, também é oferecida uma opção de inserir anúncios gráficos na sua campanha.

Mas embora essa possa parecer uma boa estratégia, a desvantagem é que você não terá o controle do orçamento e não saberá quanto do orçamento irá para cada rede que faz parte do anúncio.

Assim, você não conseguirá explorar ao máximo o potencial da propaganda.

5. Banco de Imagem

Caso você não tenha imagens boas ou um designer para criar a arte da sua campanha, pode ficar tranquilo, já que o próprio Google Ads oferece um banco de imagens gratuito integrado que você pode utilizar.

Assim, você pode ter acesso a imagens de qualidade para a sua campanha na rede de display e seus anúncios são exibidos de ótima qualidade.

Além do mais, uma outra ferramenta que está disponível é um gerador de anúncios que utiliza o próprio site ou uma landing page para gerar os seus banners de propaganda.

Também é possível criar campanhas para que seu anúncio seja exibido.

O uso é bem simples e o próprio Google Ads ensina a utilizá-lo no momento da criação.

Assim você pode criar as propagandas sem maiores dificuldades.

Saiba Mais: Como transferir posts do Facebook para o WordPress.com e Google Docs

Como começar a usar o Google Ads

Do que adianta saber o que é o Google Ads mas não saber como começar a usar a plataforma?

Assim, vamos te explicar como ter o seu acesso inicial a este serviço, basta seguir o passo-a-passo abaixo:

Passo 1. Clique para ser encaminhado para o Google Ads ou busque por “Google Ads” diretamente no Google;

Passo 2. No canto superior direito, clique em “Começar Agora”, no botão azul ou em “Acessar sua conta”, caso você já tenha uma;

Passo 3. Realize o login através da sua conta pessoal Google ou da sua conta empresarial. Os logins na conta pessoal são mais indicados se você for realizar uma autopromoção;

Passo 4. Automaticamente, você cairá na página de criação e poderá começar a desenvolver suas propagandas e campanhas.

Saiba Mais: Como achar jogos escondidos do Google?

Como o Google Ads determina a posição dos anúncios?

Uma espécie de leilão é realizada pelo Google Ads sempre que alguém faz uma pesquisa no Google.

É assim que é determinado quais anúncios serão exibidos para determinada pesquisa e a ordem que elas aparecerão no resultado de busca (SERP).

Os anunciantes são beneficiados pois o Google possui uma política de recompensas para aqueles anunciantes que oferecerem a melhor experiência aos usuários.

Assim, além dos valores oferecidos na sua campanha, os seus anúncios também serão qualificados com relação a outros anunciantes, levando em conta o Ad Rank (classificação do anúncio) e o lance máximo por CPC, ou custo por clique que você fará e o Índice de Qualidade.

Ou seja, quanto maior for seu Índice de Qualidade em relação aos outros anunciantes abaixo de você, maior será a sua classificação, independente se o lance do concorrente para ser anunciado for menor ou maior que o seu.

Em resumo, podemos dizer que sempre que alguém realiza alguma pesquisa, o Google separa todos os anúncios que tenham a ver com aquela pesquisa.

Depois o sistema ignora todos que não se qualificam para serem anunciados.

Das propagandas restantes, os que possuem um Ad Rank mais elevado são os que serão anunciados.

Ou seja, a classificação é feita através de uma combinação do Índice de Qualidade com o seu lance (posição do Anúncio = Índice de Qualidade da palavra-chave X Preço máximo por clique – CPC).

Saiba Mais: Como usar o Google Classroom?

Motivos para usar o Google Ads

Você já sabe sobre o funcionamento e o que é Google Ads.

Mas ainda está em dúvidas se deve ou não começar a usar esse serviço?

Abaixo, listamos algumas razões para você dar uma chance ao Google Ads e começar a utilizar o serviço.

1. Potencial

Sabemos que o Google é o maior buscador disponível no mundo, sendo utilizado para esclarecer dúvidas, aprender assuntos e etc.

Isso já mostra o grande potencial que a plataforma possui.

Segundo informações do StatCounter em 2019, 92,7% das buscas mundiais realizadas na versão web e mobile pertencia ao Google.

Levando em conta somente o Brasil, esse número sobe para 97,27%.

Só esse grande movimento já é um bom motivo para você considerar anunciar seus serviços e negócios no Google.

2. Poder de segmentação

A segmentação dos anúncios do Google Ads não depende apenas do interesse das pessoas em determinado momento.

O usuário ainda pode escolher diversas outras formas de segmentação para que seu anúncio alcance as pessoas, entre essas formas de segmentação temos:

  • Palavras-chaves (keywords);
  • Tópicos e canais;
  • Público-alvo;
  • Local de exibição;
  • Idioma, local de moradia e idade;
  • Programação;
  • Segmentação por dispositivo.

Além disso, o Google Ads permite que os usuários mesclem essas segmentações para gerar anúncios mais relevantes e criativos com o objetivo de resultar em propagandas mais eficientes.

3. Controle de investimento

Como anunciante, você terá total controle do investimento do seu dinheiro e poderá determinar quanto será gasto por campanha, por mês ou por dia.

Outra opção é configurar a sua campanha para que só haja cobrança quando houver CPC a cada 1000 impressões do anúncio (CPM) ou quando houver alguma aquisição na sua loja virtual ou site (CPA – Custo por aquisição).

Caso o formato do anúncio seja em vídeo, você também pode usar o Custo por Visualização (CPC).

Sempre que alguém assistir mais de 30 segundos do anúncio ou interagir com o mesmo, você será cobrado.

4. Avaliação do Retorno sobre o investimento (ROI)

Através do Google Ads, todo anunciante poderá contabilizar a quantidade de visualizações e cliques e saber quantas pessoas realizaram alguma ação no seu site.

Também se torna possível acompanhar se essa pessoa utilizou o seu site ou commerce e exibir seus anúncios para ela.

Isso é importante para que o usuário saiba quais anúncios possuíram maior retorno e foram um sucesso, e quais não foram tão bons.

Assim é possível realizar maiores investimentos nos que tiveram a melhor performance.

Essas informações poderão te render um grande retorno futuramente e aumentar ainda mais a rodagem de pessoas no seu negócio.

Mas não é somente isso que o Google Ads te permite acompanhar.

Outros dados também podem ser observados. São eles:

  • A quantidade de cliques que seus anúncios tiveram, sendo medidos em porcentagem e mostrando quantos cliques ele recebe a cada 100 vezes que é exibido;
  • O custo médio das palavras-chaves que você terá por clique;
  • O número de conversão que cada anúncio, campanha ou grupos de anúncios te rendeu;
  • A quantidade de custo por cada conversão feita;
  • O número de vezes que seu anúncio foi exibido na página de pesquisa, ou seja, a quantidade de impressão, além de diversos outros dados.

O Google Ads ainda é uma ferramenta praticamente perfeita para você saber mais sobre os seus clientes, como o hábito de compra de cada um, quanto tempo eles gastam pesquisando antes de uma compra, quando eles abandonam o site e não realizam uma compra e etc.

5. Custo

Um outro benefício que você pode ter com o Google Ads é que ele costuma ser mais barato do que outras ferramentas que realizam as mesmas funções.

Isso fica ainda mais claro ao levar em conta o preço cobrado para realizar uma publicidade em mídias como jornais, revistas, televisão, rádios, outdoors e etc.

Com o Google Ads, você poderá começar de baixo e ir subindo gradativamente, de acordo com seu orçamento, sem precisar realizar loucuras.

Após você ter uma base de como a plataforma funciona e o que é Google Ads, além do comportamento dos seus clientes, você poderá começar a aumentar seu investimento na publicidade e visar maiores resultados.

É normal que o custo por clique nas palavras-chave sejam elevados dependendo do nicho.

Isso é esperado, devido a maior concorrência que tende a aumentar sempre.

Além disso, caso a sua campanha nesta ferramenta seja feita de forma errada, equivocada ou por alguém que não entende, ela pode acabar saindo mais cara do que realmente é. 

Por isso, é importante estudar e entender o funcionamento, saber exatamente o que é Google Ads, ou trabalhar com alguém que entende com perfeição sobre isso.

Saiba Mais: O que é Google Drive e como usar?

Continua depois da publicidade

Entidades: Google

Tags:

Meu Negócio Google: 6 formas de gerar mais visibilidade

Meu Negócio Google: 6 formas de gerar mais visibilidade

O Meu Negócio Google é uma ótima ferramenta para ajudar na localização da sua empresa, receber avaliações de consumidores, compartilhar fotos de produtos e novidades sobre a marca, aumentar o alcance da organização, entre outros benefícios. Neste artigo, além de...

Como funciona o Google?

Como funciona o Google?

Você já deve ter se perguntado como funciona o Google? Parece simples, mas não é. Inicialmente, o Google rastreia a internet para identificar novas páginas que podem ser adicionadas em seu buscador. Depois, ele indexa esses conteúdos para entender quais são os...

Como achar jogos escondidos do Google?

Como achar jogos escondidos do Google?

O Google possui diversas funcionalidades como o Google Earth, Google Maps, Google Translate e diversas outras. Mas você sabia que também existem jogos disponíveis? Exatamente, e neste post vamos te ensinar como encontrar jogos escondidos do Google. Acredite, alguns...

Como usar o Google Classroom?

Como usar o Google Classroom?

Saber como usar o Google Classroom é uma das formas de lidar com as dificuldades impostas pela pandemia. As instituições de ensino precisaram recorrer a outras formas de educação caso quisessem continuar com o seu ano letivo em andamento. Muitos locais utilizaram suas...

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Pin It on Pinterest