Tipos de cactos: 15 arranjos e ideias para decorar o ambiente

tipos de cactos

por Equipe Pink Fire | 13/07/2022 | Compras | Comentários

Você sabia que existem diferentes tipos de cactos para serem cultivados tanto em ambientes externos, quanto em ambientes internos? Esses tipos de cactos são cultivados devido sua versatilidade, beleza e facilidade de cuidar. Os principais pontos que são preciso ficar atento nos cactos é em relação a rega e a luminosidade.

Assim, se você quer deixar a sua casa mais verde, mas não possui muito tempo para ficar cuidando minuciosamente de plantas, ter vários tipos de cactos é uma ótima opção. Você ainda pode usar como decoração para comércios e escritórios, já que não terá muitos problemas para cuidar.

Neste post, vamos falar sobre as características e significados dos cactos, além dos tipos de cactos que você pode encontrar. 

Saiba Mais: Área gourmet: 10 ideias incríveis para te inspirar

Características e significados dos cactos

Os cactos pertencem à família Cactaceae, nativos das Américas. É possível encontrar diversos tipos de cactos na natureza, com diversos tamanhos e formatos, pois eles acabam se adaptando a ambientes mais áridos e quentes.

É devido a isso que um dos principais pontos que você deve se atentar ao cuidar de um cacto é em relação à luminosidade, já que eles precisam de muita luz para ter um bom desenvolvimento.

Agora, qual é o significado que podemos dizer que o cacto possui? Levando em conta o Feng Shui, seu significado é “aquele que protege a casa”, uma espécie de guardião que simboliza adaptação, força, resistência e persistência. Assim que a sua estrutura folicular, o cacto adquire a habilidade de sobreviver a ecossistemas quentes e áridos, como a caatinga, regiões desérticas e cerrados.

Saiba Mais: Cantinho do churrasco: 15 ideias criativas para te inspirar

Tipos de cactos do Brasil

Devido a sua alta capacidade de sobreviver em ambientes quentes e áridos, os cactos acabaram se espalhando para outras partes do mundo, mesmo sendo originários das Américas. Somente no Brasil, mais de 100 cactos foram categorizados no ambiente semiárido, até o momento de escrita deste texto.

A seguir, trouxemos os três principais tipos de cactos que se desenvolveram em território nacional.

1. Melocactus Érnestii – Coroa de Frade

tipos de cactos

Imagem: Sítio da Mata

Bastante encontrado no bioma Caatinga, o cacto do tipo Coroa de Frade apresenta uma estrutura em formato redondo, achatado e pequeno. Ele pode chegar a até 12 centímetros de altura. Suas flores podem ser do tom vermelho e rosa, além de possuir espinhos ao seu redor. Quando chega na fase adulta, a Coroa de Frade desenvolve o cefálio, a coroa que dá o seu nome, ela aparece no topo da estrutura folicular.

2. Cereus Jamacaru – Mandacaru

tipos de cactos

Imagem: Cerratinga

Também conhecido como cardeiro ou jamacaru, o Mandacaru se adapta ao clima do semiárido, um dos tipos de cactos nativos do Brasil. O Mandacaru é muito utilizado para restaurar solos degradados, também servindo como alimentos de animais e uma cerca natural.

As flores desse cacto desabrocham durante a noite e murcham com o surgimento do sol, sendo da cor branca.

3. Pilosocereus Magnificus

tipos de cactos

Imagem: Yuyangstore

Um cacto que cresce de forma arbórea, a Pilosocereus Magnificus pode chegar a formar um tronco que alcança 5 metros de altura. Com o passar do tempo, suas flores aumentam gradualmente, mas mantém seu formato estreito. Assim, é esperado que ele alcance até 6 metros de comprimento de acordo com a idade.

Saiba Mais: Perfil de LED: conheça os modelos e 10 ideias para sua decoração

Tipos de mini cactos

Não existem somente diferentes tipos de cactos, mas também diferentes tipos de mini cactos, dos mais persistentes e resistentes, até os mais bonitos. Se você não tem muito tempo para cuidar de plantas, mas ainda quer ter algo que também não ocupe muito espaço, então os mini cactos são o que você procura, podendo ser cuidados em vasos de cerâmicas.

Além disso, os mini cactos podem ser usados de decoração em diversos cômodos da casa, como na sala de estar, na sala de jantar, nos quartos, na área externa e etc. Isso acontece pois você pode encontrar os mini cactos a venda em diferentes estilos e tamanhos, justamente para serem adaptados aos cômodos. Usar os mais variados tipos de mini cactos podem deixar o seu ambiente com uma personalidade única, e lembre-se de regar com regadores e não com mangueiras.

Saiba Mais: Pedra São Tomé: o que é, como limpar e 10 ideias para te inspirar

Tipos de cactos grandes

Outros tipos de cactos são os grandes que você pode achar em diversos formatos e tamanhos. Se você tiver um grande espaço externo, cultivar esse tipo de cacto pode acabar sendo uma boa escolha, já que você poderá ter diferentes tipos. Porém, lembre-se que o espaço precisa receber muita luz para que os cactos se desenvolvam.

Um exemplo de cacto grande que temos é o semáforo, que cresce com um formato semelhante ao de árvore, essa espécie chega a alturas entre 3 e 5 metros. O mesmo também pode acontecer com seus espinhos, que crescem bastante e podem chegar a até 3 centímetros. O cacto semáforo brota lindas flores amarelas, que chegam a 4 ou 5 centímetros de comprimento. Os frutos dados por essa planta pode variar entre tons brancos e roxos.

Saiba Mais: Armário de cozinha: 15 ideias fáceis de fazer e se inspirar

Tipos de cactos que dão flores

Muitas pessoas possuem dúvidas se os cactos dão ou não flores. A resposta é sim: todos os cactos podem florescer. O que muda são as condições necessárias para isso e o tempo que cada um dos tipos de cactos precisam para florescer. 

Entre os principais cuidados que você precisa ter para o seu cacto florescer são:

  • Cultivar os seus cactos em vasos pequenos, trocando o recipiente somente quando as raízes ocuparem todo o espaço;
  • Deixe o seu cacto tomando luz solar o máximo possível;
  • Regue o cacto somente quando for necessário, ou seja, quanto a terra do vaso estiver completamente seca;
  • Os cactos também tiram repousos no inverno. É importante que você respeite isso: no verão e na primavera utilize potássio (K);
  • Usar um substrato de terra adequado para fertilização.

Assim, os principais tipos de cactos que dão flores são os seguintes:

  • Mammillaria;
  • Cereus;
  • Opuntia Violácea;
  • Rebutia;
  • Sianinha;
  • Ferocactus;
  • Chlumbergera truncata (Flor de Maio);
  • Echinopsis e entre espécies.

Saiba Mais: Envelopamento de geladeira: 15 ideias incríveis para te inspirar

Tipos de cactos e suculentas

Ao contrário do que muitas pessoas pensam, todo cacto também é uma suculenta, pois uma suculenta é um grupo de plantas, já os cactos são pertencentes a uma família que se encontra no grupo das suculentas. 

Até o momento de escrita deste texto, temos cerca de 22 mil espécies de suculentas, sendo que 2 mil são cactos. Algumas características são responsáveis por separar as espécies, a principal é que as suculentas não possuem auréolas, os cactos sim. As aréolas são os pequenos círculos por onde as flores e espinhos dos cactos saem. É importante ressaltar que cactos e suculentas podem ser cultivados juntos em um mesmo pote, desenvolvendo assim um lindo arranjo.

Saiba Mais: Boiserie: o que é e 15 melhores ideias para inspirar sua decoração

Ideias e arranjos de cactos

Agora que você conferiu os principais pontos e os principais tipos de cactos, trouxemos algumas ótimas ideias de arranjos dessa planta para você se inspirar na hora de decorar o seu ambiente com cactos.

Saiba Mais: 10 ideias de mesas redondas para todos os ambientes

PinkFire

Navegue pelo Site

© Pink Fire – Todos os direitos reservados.