O que é Pix, como funciona e 5 vantagens em usar hoje mesmo

por | nov 27, 2020 | Empreendedorismo | 0 Comentários

Você já sabe o que é Pix? Com certeza você deve ter ouvido ou lido nas redes sociais essas três letras nos últimos tempos! O Pix tem movimentado a mídia e veio para revolucionar o mercado de pagamentos.

Se você tem um negócio, precisa ficar atento as principais novidades e, principalmente aderir à elas, caso contrário pode ser engolido pela concorrência.

Por isso, nesse artigo vamos te contar o que é Pix, como ele funciona, se cobra ou não alguma taxa, como se cadastrar e quais são as vantagens pra você e o seu negócio.

O QUE É PIX E COMO FUNCIONA?

O Pix é uma nova forma de pagamento instantâneo, criada pelo Banco Central do Brasil (BC) e que entrou em vigor em 16 de novembro de 2020.

Ele serve para transferir valores entre contas correntes, poupança e pré-paga e também permite fazer pagamentos instantâneos em qualquer dia ou horário.

De acordo com o Banco Central, a transação é segura, prática e rápida, demorando 10 segundos, no máximo. Ao contrário do que ocorre com outros tipos de transações bancárias que podem levar até dias.

Se você possui um negócio, comércio, loja, restaurante ou qualquer outro estabelecimento comercial, você conseguirá receber pagamentos em tempo real com o Pix.

Além disso, poderá pagar contas também, como de água, luz e até impostos.

Confira a lista de todas as instituições financeiras que estão cadastradas no Pix.

O QUE É PIX: QUAL É A TAXA?

Além de funcionar fora do horário comercial, em finais de semana e feriados, outra diferença do Pix para as demais formas de pagamentos que já conhecemos, é com relação a taxa.

Para pessoas físicas, não será cobrada nenhuma taxa do Pix. Salvo apenas duas exceções:

Ao receber um Pix: usado para finalizar compras em troca de atividades comerciais. Exemplo: vendedores que são pessoas físicas e que receberam um Pix por uma venda de produto ou serviço;

Ao fazer um Pix: usado quando a pessoa utilizar um canal de atendimento presencial ou por ligação telefônica, mesmos os canais eletrônicos estando disponíveis.

Já as empresas, ou seja, pessoas jurídicas, podem ser cobradas ao fazer ou receber pagamentos e nas transferências via Pix, incluindo transações entre empresas.

O Banco Central estipulou que seja uma taxa fixa por transação e que o valor fica a critério de cada instituição bancária.

Embora a taxa fique à cargo dos bancos, o BC disse que o valor deve ser menor do que é cobrado por transferências via TED ou DOC, por exemplo.

Inclusive, alguns bancos já divulgaram que isentarão seus clientes das taxas. Então, vale a pena pesquisar a melhor opção para o seu negócio.

O QUE É PIX: O QUE SÃO AS CHAVES?

Com certeza você deve ter recebido diversas notificações, emails, SMS e talvez até ligações dos bancos pedindo para você cadastrar sua chave do Pix. Mas afinal, o que é uma chave Pix?

A chave foi um “apelido” criado pelo Banco Central para nomear cada um dos dados que serão usados para identificar a sua conta. Ela nada mais é do que o endereço da sua conta Pix.

Ao invés de precisar anotar aqueles famosos dados: banco, agência, número da conta, nome completo e CPF da pessoa para quem irá transferir dinheiro, você precisará apenas de uma chave Pix.

Atualmente são quatro os tipos de chaves Pix que você poderá utilizar, sendo eles:

  • CPF/CNPJ;
  • Número de telefone celular;
  • Email;
  • Chave aleatória.

A chave aleatória é uma maneira de receber um Pix sem precisar informar dados pessoais. Ela é um código único, de 32 caracteres com letras e símbolos, gerado aleatoriamente pelo BC e atrelado a uma única conta.

Mas fique tranquilo, você não precisará memorizar todos esses caracteres da chave Pix aleatória. Ela poderá ser copiada e enviada por mensagem.

Saiba Mais: Receita Previsível: Como implantar a metodologia revolucionária de vendas outbound que pode triplicar os resultados da sua empresa

Será possível cadastrar várias chaves aleatórias, com um limite de 5 chaves por conta de pessoa física e 20 chaves por conta de pessoa jurídica.

A chave Pix ficará associada ao banco no qual você fez o cadastro e você receberá o dinheiro por meio dela.

Vale ressaltar que a chave Pix que você cadastrou em um banco não poderá ser usada em outro. Caso você queira alterar, poderá solicitar a portabilidade da chave.

O QUE É PIX: COMO FAZER O CADASTRO?

Para se cadastrar no Pix, primeiramente é preciso ter uma conta corrente, poupança ou de pagamento em alguma instituição que oferece serviços financeiros. Isso vale para pessoa física e jurídica.

Pode ser banco, fintech ou até plataformas de pagamento (PicPay e Mercado Pago, por exemplos).

Cada plataforma é obrigada à oferecer no seu aplicativo ou internet banking um espaço no seu menu para que o cliente faça o cadastro de uma ou mais chaves Pix.

Durante o cadastro, você informará qual será o tipo de chave Pix que usará, lembrando que se você usar o CPF, por exemplo, para o Pix no banco X, não poderá utilizá-lo no banco Y.

Depois que você cadastrar a chave Pix e confirma, a instituição financeira enviará as informações para o Banco Central autorizar. Normalmente, o cliente recebe alguma notificação confirmando o cadastro.

O QUE É PIX: COMO FAZER UMA TRANSAÇÃO?

Para fazer uma transação usando o Pix você precisa ter uma conta (corrente, poupança ou de pagamento) em alguma instituição financeira, ter instalado o aplicativo dela no celular ou acessar o internet banking.

Atenção: não será preciso baixar nenhum outro aplicativo para fazer uma transferência via Pix.

São três formas diferentes de fazer uma transação via Pix:

1. TRANSAÇÃO VIA CHAVE PIX

Com a chave Pix cadastrada, você poderá fazer uma transferência, pagamento ou cobrança. Para isso, acesse o aplicativo ou internet banking da sua plataforma financeira e busque no menu pelo Pix.

2. TRANSAÇÃO VIA QR CODE

Outra forma de fazer uma transação com o sistema Pix é utilizando o QR Code (Quick Response Code), que é um código de barras bidimensional.

Ao apontar a câmera do celular para um QR Code, esse código será escaneado e abrirá uma página ou aplicativo, como acontecia nas famosas lives de música. É um exemplo de como ele funciona.

Já no Pix será preciso abrir o aplicativo da instituição financeira, localizar o menu do Pix, a opção de QR Code para então escanear o código para fazer a transação.

Para utilizar o QR Code no Pix, é preciso saber que existem dois tipos:

ESTÁTICO:

O QR Code Estático pode ser usando em várias transações e é emitido uma vez. É possível definir um valor fixo para ele ou deixar em branco, para que o pagador informe o valor da transação.

Ele é mais indicado para empresas pequenas, microempreendedores e transferências entre duas pessoas.

DINÂMICO:

O QR Code Dinâmico é mais indicado para pagamentos de compras, pois para cada transação será diferente e ele permite a inclusão de informações adicionais.

Para quem paga, o tipo de QR Code não faz diferença. Quem estabelece isso é quem receberá o valor.

3. TRANSAÇÃO VIA NFC

NFC é a sigla para Near Field Communication que na tradução para o português significa “Comunicação por Campo de Proximidade”, ou seja, pagamentos realizados através da tecnologia por aproximação.

Como acontece com alguns cartões de bancos, você poderá fazer uma transação por meio de aproximação. Porém, essa opção ainda não está disponível, pois não foi liberada pela Banco Central.

A tecnologia para a realização desse tipo de transferência e dos pagamentos será desenvolvida pelo BC em parceria com as instituições financeiras.

QUAIS AS VANTAGENS DO PIX?

Se depois de entender o que é Pix e como ele funciona, você ainda não está convencido a utilizar esse serviço, separamos uma lista de vantagens em usar o Pix:

1. ESTÁ DISPONÍVEL 24h POR DIA DURANTE TODA A SEMANA

As agências bancárias funcionam normalmente de segunda à sexta, entre 10 da manhã e 4 da tarde. Uma transferência entre bancos só é possível fazer até às 17h, também durante a semana.

Com o Pix, você tem a possibilidade de fazer qualquer transação 24 horas por dia, nos 7 dias da semana. Não precisa mais esperar até o próximo “dia útil”.

2. É RÁPIDO

Quando você faz uma transferência entre diferentes instituições, através do TED ou DOC por exemplo, ou também quando paga uma compra com boleto, eles só são compensados em horário comercial.

Além de poder fazer um Pix em qualquer horário, como mencionamos anteriormente, o valor fica disponível em questão de segundos na sua conta.

3. É SEGURO

As transações feitas pelo Pix serão feitas por meio de mensagens criptografadas e assinadas digitalmente em uma rede protegida da internet.

E também o diretório que armazena as informações das chaves Pix é criptografado e possui mecanismos de defesa que impedem o acesso de rackers à elas.

Por isso, o Banco Central garante que as transações são seguras, assim como as realizadas via TEC e DOC. As instituições financeiras também são responsáveis pela segurança dos dados e transações.

Além dos mais, todas as transações via Pix são protegidas pela Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), que entrou em vigor em 2020.

4. TEM UMA TAXA COMPETITIVA

Quem nunca olhou o extrato da conta e se assustou com as tarifas e taxas cobradas por recursos que, muitas vezes, nem são utilizados, não é mesmo?

Como o Pix é gratuito para pessoas físicas (exceto para alguns casos que mencionamos antes) e a taxa é menor para empresas, acredita-se que as instituições de serviços financeiros deverão baixar suas tarifas.

5. INCENTIVA A INCLUSÃO FINANCEIRA

Muitos brasileiros não possuem contas em bancos “tradicionais” e ficam impossibilitados de realizar transações.

Os bancos digitais (Fintechs) e serviços de pagamento (como o PicPay, é um exemplo) não possuem tantas burocracias e nem pedem muitos documentos para a abertura de uma conta.

Como é possível utilizar o Pix com segurança nessas instituições financeiras, o serviço traz mais inclusão financeira para todos os brasileiros.

Como agora você já sabe o que é Pix e como ele funciona, tanto para você quanto para o seu negócio, quer saber como vender mais no Marketplace Facebook? Acesse nosso artigo completo!

Aproveite e conheça 17 datas comemorativas para você se programar e aumentar as vendas em lojas físicas e online. Tem Dia das Mães, Dia do Namorados, Black Friday, Natal e muito mais!

Continua depois da publicidade

Entidades: Facebook

Tags:

Klickpages: o que é e como funciona

Klickpages: o que é e como funciona

A criação de landing pages que convertem é um dos maiores desafios dos profissionais de marketing e de empreendedores que trabalham com essa estratégia, seja em seu negócio ou em uma fórmula de lançamento. Se você já teve uma baixa conversão nas páginas e não atingiu...

Parceiro Magalu: como se cadastrar e vender online

Parceiro Magalu: como se cadastrar e vender online

Responda rápido: você já pensou em ter uma renda extra sem sair de casa? Já pensou em montar uma loja virtual sem ter um estoque em sua residência? Já pensou em vender os produtos da sua loja física de forma online em uma rede de varejo com mais de milhões de clientes...

O que é follow up e como fazer?

O que é follow up e como fazer?

Todo mundo já passou por um processo de follow up. Imagine que você está querendo contratar um serviço de internet para a sua casa. Você entra em contato com uma empresa. Durante a conversa, ouve atentamente os planos disponíveis, mas ainda não sabe quando tomará a...

Como formalizar um pequeno negócio?

Como formalizar um pequeno negócio?

Você sabe como formalizar um pequeno negócio? Nos últimos anos, o número de pessoas que buscam empreender e atingir a tão sonhada independência financeira vêm aumentando expressivamente. E apesar das dificuldades, o Brasil possui certa de 17 milhões de negócios...

O que vender na internet? 45 ideias para começar

O que vender na internet? 45 ideias para começar

Se você chegou até aqui, está procurando dicas sobre o que vender na internet, não é mesmo? A boa notícia é que está no lugar certo. Selecionamos diversas opções para iniciar um negócio de um jeito simples e sem grandes investimentos. Neste artigo, você verá 45 ideias...

Os 3 melhores memes de Marketing Digital

Os 3 melhores memes de Marketing Digital

Se você chegou até este artigo, está procurando quais são os melhores memes de Marketing Digital, não é mesmo? Selecionamos 3 ótimas opções da internet para que você tenha um momento de diversão em sua rotina.  Você verá frases engraçadas que podem ser compartilhadas...

Como começar no Marketing Digital?

Como começar no Marketing Digital?

Qualquer profissão ou carreira relacionada à internet, tem um enorme potencial de crescimento nos próximos anos. Por isso, como começar no marketing digital é uma das buscas mais comuns para quem deseja iniciar um novo negócio ou carreira profissional. Comecei no...

25 livros de empreendedorismo gratuitos para baixar

25 livros de empreendedorismo gratuitos para baixar

Está sem grana e quer adquirir conhecimento? Fizemos uma lista dos melhores 25 livros de empreendedorismo gratuitos para você baixar! Afinal, conteúdo de valor nunca é demais, ainda mais se você não precisar pagar nada por isso. A tarefa de empreender não é fácil,...

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade

Pin It on Pinterest