Continua depois da publicidade

Matriz BCG: os 4 quadrantes para o ciclo de vida de produtos

por | dez 3, 2020 | Empreendedorismo | 0 Comentários

A Matriz BCG foi criada em 1970 pelo Boston Consulting Group e é uma ferramenta de gestão criada para gerenciar portfólios e direcionar investimentos.

Ela é uma metodologia muito eficiente, pois evita que você gaste seu tempo e energia em produtos ou serviços que não tem mais espaço no mercado.

MATRIZ BCG: O QUE É

A Matriz BCG é uma análise gráfica que permite comparar os produtos de uma marca com o seu desempenho no mercado.

A sigla BCG acabou sendo patenteada por conta do seu criador, o Boston Consulting Group.

Em relação a aplicação da matriz BCG, é possível fazer a análise dos produtos e prever crescimentos ou declínios em seu ciclo de vida.

A metodologia também dá embasamento para a tomada de decisão, principalmente em ações que envolvam os 4 Ps do Marketing, quais são: preço, produto, promoção e praça.

MATRIZ BCG: ESTRUTURA

A metodologia consiste praticamente em um plano cartesiano. De acordo com o modelo, são 4 quadrantes que avaliam a participação e o crescimento do mercado em alto ou baixo.

A linha vertical demostra a situação do crescimento do mercado. Já a linha horizontal demonstra a participação relativa do produto no mercado. Na imagem a seguir, é possível visualizar essa estrutura:

Matriz BCG

Cada desenho (estrela, ponto de interrogação, vaca leiteira e abacaxi) representa um estágio no ciclo de vida dos produtos. Vamos falar mais sobre cada elemento.

Produto Interrogação

Um produto é um ponto de interrogação quando a procura por ele é alta. Porém a empresa não está conseguindo se desenvolver nesse mercado.

Isso normalmente acontece quando o produto é um lançamento. Ele tem pouca concorrência e um mercado grande a ser explorado. Porém, as pessoas ainda não o conhecem ou ainda não testaram sua funcionalidade e qualidade.

Logo, esse produto precisará de grandes investimentos para não perder a potência do mercado que é esperado dele, como publicidade, por exemplo.

Produto Estrela

Os produtos estrela representam o carro-chefe em uma organização. São aqueles que tem um alto potencial de mercado e a empresa consegue atender boa parte desse mercado.

Esse produto já é consolidado com seus consumidores, através da disponibilidade e qualidade.

São os produtos que dão menos trabalho para a organização, pois já possuem a fatia do mercado. É o sonho de qualquer empresa que todo produto se instale nesse quadrante.

Porém, é muito raro um produto se consolidar por muito tempo em cada parte dos quadrantes. Normalmente, eles têm um prazo para cada ciclo e há de se aplicar estratégias diferentes.

Produto Vaca-Leiteira

Os produtos vacas leiteiras são produtos ou serviços que apesar de possuírem grande participação no mercado, estão inseridos em um mercado quase saturado.

Ou seja, não adianta aumentar os investimentos para alcançar novos consumidores. Pelo contrário: cada vez menos, esse tipo de produto é procurado.

O que as empresas devem fazer nesses casos é manter o investimento e a atenção nos produtos aqui enquadrados, já que os esforços para melhorar esses resultados seriam desperdiçados por fatores externos fora de controle das empresas.

Produto Abacaxi

Cada quadrante tem a sua particularidade. Porém, esse é o que representa o maior problema para uma empresa.

Ele demanda atenção no sentido de estar sugando suas energias e investimentos e não te dar o retorno esperado.

Dentro do ciclo de venda, os produtos abacaxis não alcançaram uma participação de mercado satisfatória e seu mercado está em declínio. O questionamento a ser feito aqui é: vale a pena investir nesse tipo de segmento?

Sua participação nas vendas já não é satisfatória e melhorar esse cenário seria custoso e efetivo apenas por um prazo curto.

Saiba Mais: O que é portfólio e 10 ferramentas para divulgar o seu

MATRIZ BCG: INTERPRETANDO OS RESULTADOS

Os produtos do seu negócio que se encaixam no quadrante vaca leiteira ainda trazem um bom retorno financeiro para sua empresa.

Porém, não é viável reinvestir os recursos levantados com eles próprios. Nesse sentido, é possível alocar esse valor em produtos do quadrante ponto de interrogação.

Os produtos no quadrante estrela também merecem sua atenção. É provável que eles ainda suportem investimentos financeiros, porém por prazo limitado. A tendência é que eles se tornem vacas leiteira no futuro.

Se todos os produtos tendem a seguir esse ciclo. Uma alternativa prudente é investir parte de seus recursos em lançamentos de novos produtos ou melhorias dos produtos existentes.

É para reverter esse ciclo que empresas de aparelhos celulares lançam todo ano uma nova versão de seus aparelhos.

Em tese, um produto pode passar por todos esses ciclos, iniciando como um ponto de interrogação e seguindo no sentido anti-horário. Até se tornar um abacaxi e ser eliminado do mercado.

Porém, há um ponto de alerta nesse modelo de gestão de produtos. Ele não considera o mercado como complexo e analisa apenas a ótica de participação de demanda.

Entretanto, outros fatores podem influenciar no desempenho de seus produtos e devem ser considerados. Para complementar as análises de uma matriz BGC, você pode aplicar também um estudo da matriz SWOT.

MATRIZ BCG: MONTE A SUA

Como falamos lá no início, a matriz BCG é uma ótima opção para você fazer uma gestão do seu portfólio de produtos.

Com ela, você consegue tomar decisões como: entrar em novos negócios, lançar novos produtos, alocar recursos de forma proveitosa, etc.

Produtos com potencial maior de mercado merecem uma atenção e recursos maiores investidos. Com a otimização do uso dos recursos, o que se espera é que sua empresa consiga vender mais e ter mais lucratividade.

Em um mercado tão dinâmico, a matriz BCG ajuda seu negócio a monitorar essas mudanças de mercado.

Vale ressaltar que a análise de portfólios precisa ser minuciosa. E antes de categorizar cada produto em um quadrante, deve-se levar em consideração todos os detalhes dos produtos.

Embora tenha sido criada com foco em produtos físicos, você também pode posicionar serviços entre os quadrantes.

Esse tipo de análise sempre fará sentido se te ajudar a tomar decisões com mais segurança e embasamento. Afinal, é preciso algum critério não é mesmo?

Agora que você já aprendeu como utilizar essa ferramenta de gestão, conte aqui para nós: hoje, você saberia dizer em qual quadrante o seu produto ou serviço se encontra? Deixe um comentário.

Continua depois da publicidade

Entidades:

Tags:

O que é POP e como aplicar no seu negócio

O que é POP e como aplicar no seu negócio

Você sabe o que é POP e para o que ele serve? Se não souber, vamos te explicar nesse post. Esse é um documento que possui suas particularidades e funciona para estabelecer uma espécie de roteiro das diversas tarefas que são feitas em uma empresa/organização, uma forma...

ActiveCampaign: O que é e como funciona

ActiveCampaign: O que é e como funciona

A ActiveCampaign é uma plataforma de automação de marketing e CRM (Customer Relationship Management) criada para auxiliar na interação de pequenas e médias empresas com os seus clientes. Fundada em 2003 em Chicago, Illinois, a empresa começou fazendo consultoria...

Klickpages: o que é e como funciona

Klickpages: o que é e como funciona

A criação de landing pages que convertem é um dos maiores desafios dos profissionais de marketing e de empreendedores que trabalham com essa estratégia, seja em seu negócio ou em uma fórmula de lançamento. Se você já teve uma baixa conversão nas páginas e não atingiu...

Parceiro Magalu: como se cadastrar e vender online

Parceiro Magalu: como se cadastrar e vender online

Responda rápido: você já pensou em ter uma renda extra sem sair de casa? Já pensou em montar uma loja virtual sem ter um estoque em sua residência? Já pensou em vender os produtos da sua loja física de forma online em uma rede de varejo com mais de milhões de clientes...

O que é follow up e como fazer?

O que é follow up e como fazer?

Todo mundo já passou por um processo de follow up. Imagine que você está querendo contratar um serviço de internet para a sua casa. Você entra em contato com uma empresa. Durante a conversa, ouve atentamente os planos disponíveis, mas ainda não sabe quando tomará a...

Como formalizar um pequeno negócio?

Como formalizar um pequeno negócio?

Você sabe como formalizar um pequeno negócio? Nos últimos anos, o número de pessoas que buscam empreender e atingir a tão sonhada independência financeira vêm aumentando expressivamente. E apesar das dificuldades, o Brasil possui certa de 17 milhões de negócios...

O que vender na internet? 45 ideias para começar

O que vender na internet? 45 ideias para começar

Se você chegou até aqui, está procurando dicas sobre o que vender na internet, não é mesmo? A boa notícia é que está no lugar certo. Selecionamos diversas opções para iniciar um negócio de um jeito simples e sem grandes investimentos. Neste artigo, você verá 45 ideias...

Os 3 melhores memes de Marketing Digital

Os 3 melhores memes de Marketing Digital

Se você chegou até este artigo, está procurando quais são os melhores memes de Marketing Digital, não é mesmo? Selecionamos 3 ótimas opções da internet para que você tenha um momento de diversão em sua rotina.  Você verá frases engraçadas que podem ser compartilhadas...

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Continua depois da publicidade

Pin It on Pinterest