Os 5 melhores exercícios funcionais para emagrecer em casa

por | maio 16, 2022 | Notícias | 0 Comentários


Os exercícios funcionais têm sido a escolha favorita daqueles que procuram emagrecer praticando atividade físicas, sem sair de casa. Assim, temos uma saúde melhor e podemos viver com mais qualidade de vida.

Os exercícios funcionais são excelentes aliados para aqueles que buscam perder peso, tonificar os músculos e ter um melhor condicionamento físico. Um treino funcional é capaz de trabalhar vários grupos musculares simultaneamente, trazendo seus benefícios para o nosso corpo.

Hoje, vamos conhecer um pouco mais sobre essa prática, quais são as vantagens, exemplos de exercícios funcionais e várias dicas de como montar o seu e fazer de onde quer que esteja. Confira a seguir.

Saiba Mais: 11 receitas de suco detox para ficar em forma

O que são exercícios funcionais?

Um treino funcional é aquele baseado em exercícios físicos que tem por objetivo estimular diferentes músculos, ao mesmo tempo, melhorando o condicionamento físico, ajudando a emagrecer, a trabalhar a consciência corporal, entre tantas outras vantagens.


Esse tipo de treino envolve exercícios de resistência, flexibilidade, força, equilíbrio e mobilidade, sendo eles, por exemplo: correr, saltar, empurrar, agachar, puxar, arremessar e levantar. É muito versátil e pode ser adaptado de acordo com o objetivo de cada pessoa.

Os exercícios funcionais têm origem na tão importante reabilitação, onde terapeutas ocupacionais, físicos e quiropráticos usam essa abordagem em pacientes que possuem algum tipo de distúrbio de movimento. Apareceu no Brasil nos anos 90 e era utilizado na reabilitação e no meio das lutas.

Um grande exemplo disso é o tratamento voltado a pacientes que sofreram algum tipo de lesão, eles precisam fazer exercícios que “imitam” o que era feito em suas rotinas, para que assim possam se adaptar e voltar à vida e/ou ao trabalho com êxito.

Quais são os benefícios dos exercícios funcionais?

Como já mencionado, os exercícios funcionais são voltados a misturar diversas capacidades físicas em um só treino. Além de ajudar com a execução das atividades diárias, também são capazes de auxiliar no emagrecimento. Veja mais alguns benefícios dessa prática:

1.Trabalha diferentes grupos musculares de uma vez

O grande objetivo do treinamento funcional é trabalhar vários músculos ao mesmo tempo, integrando vários membros de uma só vez.


2. Fortalece os músculos

Os exercícios funcionais são responsáveis por ativar fibras musculares e fibras estabilizadoras. A consequência disso é um corpo tonificado e definido, sem a necessidade de precisar cada área individualmente.

3. Melhora a postura

Além do fortalecimento dos músculos, o treino funcional também é responsável pelo desenvolvimento da consciência corporal, ajudando a criar hábitos para manter a coluna reta.

Os exercícios fazem com que o praticante crie o hábito como contrair o abdômen, alinhar os ombros, pescoço e quadril à medida que essas posturas são exigidas nas execuções.

4. Auxilia na perda de gordura corporal

Como os exercícios funcionais costumam ser feitos em circuitos, onde é preciso executar diferentes exercícios em sequência e sem intervalo, isso faz com que haja alto gasto calórico. Um exemplo seria um circuito onde o aluno corre, salta, pula em uma cama elástica, entre outros obstáculos.

Em média, o gasto calórico em um treino funcional é de 800 calorias, variando de pessoa para pessoa e levando em consideração o quanto cada uma treina e qual é seu condicionamento físico. Quanto mais praticar, melhor seu condicionamento será e consequentemente os seus resultados também.


5. Aumenta a flexibilidade

Como os exercícios exigem que os movimentos sejam realizados com total amplitude, faz com que os músculos se alongam e assim aumente a flexibilidade e mobilidade de todas as áreas do seu corpo.

6. É de baixo impacto

Os exercícios funcionais possuem baixo impacto, ou seja, o treino melhora o condicionamento sem causar muito estresse ou prejuízo ao corpo. É por isso também que é indicado para iniciantes e para aquelas pessoas que possuem algum tipo de limitação.

Outros benefícios são:

7. Aprimoramento do condicionamento físico;
8. Ganho de resistência cardiorrespiratória;
9. Alívio de dores na coluna;
10. Estimula a coordenação motora;
11. Traz mais equilíbrio e agilidade.

Quais são os exercícios funcionais?

Primeiramente, os exercícios funcionais podem ser executados com o peso do próprio corpo, como também podem ser realizados utilizando alguns acessórios específicos, como elásticos, halteres, kettlebells, bolas suíças, corda naval e muito mais. Esses acessórios são completamente acessíveis e também podem ser improvisados.

Ressaltamos também que os treinos e circuitos de exercícios funcionais devem ter o acompanhamento de um profissional de Educação Física, para que ele possa te auxiliar a executar da maneira correta e de acordo com seu objetivo.


1. Corrida

A corrida pode ser feita de várias maneiras, inclusive, intercalando entre os demais exercícios. Veja uma aula cheia de exercícios de corrida, do canal do YouTube da Carol Borba, para você praticar em casa:

Entre alguns benefícios da corrida podemos citar a melhora do sono, prevenção de doenças como osteoporose, combate a depressão, diminuição do estresse, controle do colesterol, entre tantos outros.

Saiba Mais: Como começar a correr? 5 apps perfeitos para iniciantes

2. Agachamento

O agachamento é um exercício funcional excelente, não só para fortalecer os músculos do core (bíceps femoral, transverso abdominal, adutor, eretor da espinha, oblíquo interno e externo, iliopsoas, glúteo máximo e reto abdominal), mas para trabalhar membros inferiores.

Assim como a corrida, o agachamento também possui diversas maneiras de ser executado. Veja algumas variações a seguir, com o uso de acessórios e também com o peso do próprio corpo, no canal do Aurélio Alfieri:


3. Flexão de braço

A flexão de braço é outro exercício que pode ser incluído no seu treino. Ele é prático, trabalha vários músculos, aumenta o condicionamento, melhora o metabolismo e deixa os braços torneados e definidos.

4. Prancha

A prancha é um dos exercícios que dá ao ombro estabilidade e resistência para o core, garantindo estabilidade também para a coluna. Para executar, basta apenas apoiar as mãos ou cotovelos no chão, juntamente com as pontas dos pés, formando uma ponte.

Apesar de parecer fácil, esse exercício exige muita atenção para que a posição seja feita corretamente, caso contrário pode trazer dores e desconfortos posteriormente. Para isso, separamos um vídeo do canal XTREME21, ensinando a forma correta para fazer prancha.

5. Abdominal

Os abdominais podem ser feitos com halteres e anilhas, eles melhoram a respiração, melhoram o equilíbrio, previnem problemas na coluna, preservam os órgãos internos, entre outros.

Como montar um treino?

O ideal é buscar ajuda profissional. Mas trouxemos alguns circuitos de treinos que você pode utilizar para se inspirar na hora de montar o seu treino funcional.


Treino funcional para iniciantes

Treino funcional para emagrecer

Exercícios de fortalecimento muscular

Saiba Mais: Como ter uma vida saudável? Essas 10 dicas vão te ajudar agora


Entidades: Youtube

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Shopee Xpress: como rastrear seu pedido Casa de madeira: 10 projetos para te inspirar Apelido para namorado Criptomoedas para 2022 Bolos Vulcão Corretora de criptomoedas