Como cadastrar minha empresa no Uber Eats? A plataforma de entrega de delivery

por | mar 25, 2021 | Empreendedorismo, Tecnologia | 0 Comentários


Com o lançamento dos aplicativos de entrega, ficou muito mais fácil pedir um delivery. Somando a facilidades dos apps e a mobilidade reduzida nos tempos de pandemias, as entregas passaram a ser, por um período, a única forma de venda com os clientes. Se você trabalha no ramo da alimentação não pode perder esse canal, por isso, hoje o texto é sobre: como cadastrar minha empresa no Uber Eats.

Antes de focarmos na plataforma do Uber Eats, vale ressaltar que existem outras opções de aplicativos, como: Ifood, Rappi, James Delivery e outros. Vale a pena conhecer as vantagens, valores e condições de cada uma.

Saiba mais: Como uma pizzaria aumentou em 70% os pedidos no delivery usando o Facebook

Como cadastrar minha empresa no Uber Eats?

A marca Uber já é muito conhecida entre os consumidores. O sucesso da marca iniciou com o aplicativo de carona. Só depois surgiu a modalidade de entrega de alimentos. Logo, quem tem um restaurante ou trabalha com a produção de alimentos, pode fazer uso da plataforma para aumentar suas vendas. 

Passo 1. Para realizar o cadastro do seu negócio na Uber Eats, primeiramente é necessário acessar o site da plataforma. Para isso basta clicar aqui.  Antes de iniciar o cadastro do seu restaurante, vale a pena ler com atenção os termos e condições e também as políticas de privacidade.


Passo 2. Na aba começar, você precisará informar os dados da sua empresa como: nome do estabelecimento, endereço comercial, e-mail e telefone. Depois basta clicar em enviar. 

Como cadastrar minha empresa no Uber Eats 1

Após enviar os dados, seu estabelecimento entra para uma lista de análise do Uber Eats. Sendo assim, o preenchimento dos campos anteriormente citados, não significa que sua empresa já está cadastrada.

Se o seu estabelecimento atender aos requisitos para fazer parte da plataforma, a marca entrará em contato para efetivar o seu cadastro e você começar a vender pelo Uber Eats. 

Esse tempo de análise e retorno pode demorar cerca de 3 dias. Se dentro do prazo de, no máximo uma semana, você não for contatado pela empresa, isso quer dizer que seu negócio não atendeu os requisitos para operar no aplicativo. 

Taxas e valores do Uber Eats

Se o seu cadastro for aprovado, a primeira taxa cobrada pela Uber Eats é a taxa de ativação. Ela custa em torno de R$ 500,00 e é uma taxa única, paga apenas no início do cadastro. 


Essa taxa também não precisa ser desembolsada pelo empresário para iniciar sua operação. O que acontece, é que a Uber Eats irá descontar esse valor dos primeiros lucros gerados na plataforma. 

Essa taxa de ativação é chamada também de kit boas vindas. Com ela, a empresa ganha um tablet com o software onde serão acompanhados os pedidos e gerenciar suas entregas. Além disso, o restaurante ganha também uma sessão de fotos profissionais para criar sua vitrine, ou seja, seu cardápio dentro do aplicativo. 

Além da taxa de ativação, a Uber Eats também cobra uma taxa por pedido, o que eles chamam de taxa de serviço. Essa taxa corresponde a 30% do valor de cada pedido recebido pelo aplicativo. 

Como cadastrar minha empresa no Uber Eats e como funcionam as entregas?

As entregas pelo Uber Eats acontecem com entregadores parceiros. Isso quer dizer que assim como os restaurantes, motoboys independentes podem se cadastrar na plataforma para formar uma parceria. 

Nesse caso, o cliente faz o pedido em seu restaurante e a Uber mandará um entregador para coletar o pedido e entregar ao cliente. Praticamente é uma terceirização das entregas por parte dos restaurantes. 


Saiba mais: Pedidos de Refeição: aprenda como usar a nova figurinha do Instagram Stories

Como cadastrar minha empresa no Uber Eats: Vantagens 

Basicamente, o delivery já é uma tendência forte no mercado de alimentos. Aquele sistema onde os clientes ligavam para o restaurante para pedir uma pizza, por exemplo, o estabelecimento anotava o pedido no papelzinho e depois o pagamento acontecia na entrega já se tornou muito arcaico. 

A grande maioria dos consumidores já está adepta aos aplicativos de delivery. Além disso, o Uber Eats pode se tornar uma vitrine, onde você pode expor seus produtos para clientes diversos, que se não fosse via a plataforma, não conheceriam o seu estabelecimento. 

Uma dica é reparar nas redes sociais dos seus concorrentes. Muitos já devem atender via plataformas de entregas. Mesmo que você não tenha um site do seu restaurante, o link com acesso a sua loja dentro do app poderá ser divulgado aos seus clientes. 

Outra vantagem é que você receberá uma consultoria especializada da plataforma para melhorar suas vendas. 

Você já deve ter pensado em maneiras de reduzir seus custos. Os restaurantes que optaram por utilizar a entrega via o Uber Eats relatam a diminuição do custo com entregas e maior disponibilidade de horários para atender a clientela no delivery. 


E por fim, o restaurante atendido pelo Uber Eats ainda pode retirar relatórios de gestão referente a suas vendas. A plataforma disponibiliza informações como: lucro semanal via aplicativo, pratos mais populares do seu restaurante, nota de avaliação de seus clientes. 

Mas é claro que esses relatórios abrangem somente as vendas realizadas via Uber Eats. Ou seja, não contabiliza as vendas de balcão ou feitas por outro app de delivery. Se você já usa a plataforma em seu estabelecimento, você deve olhar com atenção para esses números, pois através deles, você pode pensar em estratégias mais eficientes para o seu negócio. 

Se você quer fazer sua conta no Uber Eats mas ficou com alguma dúvida, poderá entrar em contato com a central de ajuda da empresa. 

Continue no blog


Entidades: Facebook | Instagram | WhatsApp

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Baixar músicas online: os 20 melhores sites Frases de Amor: as 230 mais belas Como entrar no Gmail no celular? Cantinho do Café: 15 ideias incríveis Horas iguais: qual o significado? Receitas para Airfryer: as 8 melhores